Scania e USP criam caminhão que anda sozinho.

Scania e USP criam caminhão que anda sozinho.

Se você é motorista profissional não fique preocupado; isto não significa que os motoristas irão perder seus empregos.

O projeto desenvolvido pela USP e pela Scania vai permitir que o caminhão seja conduzido de forma automática em trechos específicos, mas quando chegar numa cidade, por exemplo, o motorista ainda será necessário.

Por enquanto é um protótipo desenvolvido num caminhão Scania G360 6×4 em conjunto com a Escola de Engenharia de São Carlos, o Instituto de Ciência e Matemáticas e de Computação (ICMC) e a própria Scania.

Este tipo de parceria já é comum na Europa e a Scania está trazendo esta experiência para o Brasil. Um trabalho que traz o conhecimento para dento da empresa e permite que alunos e professores conheçam os desafios reais da industria.

Para o projeto foi investido R$ 1,2 milhão, e a Scania contribuiu com dois caminhões.
Mas segundo declarações do diretor de Assuntos Institucionais e Governamentais da Scania, Rogério Rezende, o projeto é mais do que apenas investir dinheiro.

Incentivar a pesquisa é pensar no futuro. Isto porque os resultados produzem conhecimento, matéria-prima das soluções para um transporte sustentável.

O objetivo do projeto é que um caminhão seja capaz de fazer um determinado percurso de forma autônoma.

Atualmente o protótipo circula apenas na área 2 do campus da USP de São Carlos, mas os resultados são animadores.

Segundo o professor do ICMC e coordenador do projeto, Denis Wolf, O sistema autônomo foi criado para ajudar os motoristas a cumprir suas tarefas e não irá substituí-los.

O sistema será como um piloto automático, ou seja, ao apertar um botão o caminhão assume o controle em rodovias, mas ao chegar perto de uma cidade, devolve o controle para o motorista.

Deste projeto participaram também vários estudantes de graduação e pós graduação.

O protótipo recebeu pequenos motores que foram acoplados no volante e nos freios. Também foi instalado um circuito eletrônico para controlar o acelerador. No caso da caixa de câmbio não foi necessário alteração pois este modelo de caminhão já possui câmbio automático.

O caminhão também tem GPS, sensores e um computador para funcionar como se fossem os olhos e os sentidos dos seres humanos. Mas o grande desafio é substituir o cérebro humano.

Para imitar os olhos foram usadas duas câmeras para captura das imagens o que permite estimar a profundidade. Porém a dificuldade é interpretar estas imagens.

Para isto é necessário criar programas de computador complexos capazes de identificar o objeto que está na imagem. Se é uma pessoa, uma árvore, rua ou veículo, por exemplo. Este é um trabalho que está sendo executado deste 2014.

Esta novidade mostra que a profissão de motorista está ficando cada vez mais especializada. Ou seja, o motorista tem que estar em constante aprendizado. Hoje já é comum o uso de sistema de telemetria, ponto eletrônico, GPS.
Isto vem de encontro com a missão do portal Motorista Consciente que é a de complementar a formação do motorista profissional.

Para ficar por dentro dos cursos que temos disponíveis visite nosso portal em Visitar o site Motorista Consciente.

Lá você irá encontrar inclusive um curso demonstração gratuito para conhecer o nosso sistema.

Outro fabricante, a Mercedes, fez um vídeo mostrando como será um caminhão em 2025, que dá uma boa ideia de como será um caminhão autônomo. Veja abaixo pois é bem interessante.


Gostou do artigo? Então comente abaixo o que você acha das tecnologias que estão sendo usadas no transporte profissional?

por Edward Schmitz

Assine nossa newsletter

Receba em seu e-mail novidades sobre nossos cursos, promoções, parcerias e atualizações do Motorista Consciente.

Digite seu e-mail abaixo: